Alguém na escuta?

Imagem

Olá? Alô, tá me ouvindo? É a Jacqueline, isso é com cq mesmo, mas pode me chamar de Jack se quiser. Que? ah não estou te ouvindo daqui espera. Vou sair da cozinha, pera ainda não..opa tem sinal aqui. Pera sumiu de novo…putz.

OPA, achei sinal glorifica de pé. Agora Vai!

Oi, então como eu estava dizendo eu sou a Jacqueline, exatamente assim com cq que é pra complicar a vida mesmo. É eu me importava mais se escrevessem errado, mas adotei a postura do “soletrando é que se entende” sabe?! Aí não tem erro. Tenho 19 anos, ah não parece? Poxa obrigada, pra mim não mudou nada mesmo me sinto a mesma desde os 15, só a mentalidade que teve um leve retrocesso… não pro lado ruim não não, mas você vai descobrir que quanto mais velho se fica mais criança se quer voltar a ser. Sim, eu sinto saudades dessa época, dos meus amigos, das brincadeiras, do tempo livre pra fazer qualquer coisa, bons tempos. Ah, o que? Tá eu posso contar como foi essa caminhada até chegar ao que sou hoje, anham desde a infância? Nossa, calma deixa eu organizar meus pensamentos.

Então, eu sempre fui uma criança ligada no 220 sabe?! Não parava nunca, vivia dançando e falando. Falando muito, descontroladamente. Fazia amigos bem fácil por causa disso, mas quase sempre ninguém aguentava muito tempo, os que insistiram em ficar são absolutamente a minha cara! Isso não quer dizer que eu era popular, ah não longe disso, mas eu sempre tive a certeza que quem não andava comigo é quem tava perdendo toda a graça. Brincadeira, eu não sou de ficar me gabando assim não tá, juro. Assim, eu sempre ouvi muito que eu era engraçada e chega num ponto da vida que você realmente acredita nisso e defende a ideia, e é exatamente neste ponto que eu me encontro. Parte desse meu lado zoero se deve ao meu pai, que olha… é a pessoa mais palhaça do mundo.

Isso, foi uma infância bem aproveitada. Mudei de escola duas vezes só e mesmo assim convivi, basicamente, com a mesmas pessoas até me formar no colegial. É tão lindo olhar pra todo esse povo e pensar “nossa mas você era tão estranho quando era pequeno!” Oi? ah não entendeu essa, pera eu explico. Eu morava em uma cidade pequena. sem shopping, no interior de São Paulo, chama Osvaldo Cruz pode dar um google aí pra você ver: Capital dos produtos de dança e do caminhão bi-trem, bom pelo menos era até eu me mudar de lá.

Porque eu sai? Olha, eu passei pra jornalismo em uma faculdade pública e agora me encontro no Mato Grosso do Sul. Foi difícil de me adaptar, ao clima principalmente, eu gosto de frio e aqui faz um calor tremendo. Mas entre todas as dificuldades a saudade continua sendo a maior vilã. Hoje eu falo que existem duas Jacqueline: Uma que continua se trancando no quarto pra ouvir música, desenhar, escrever e cantar na frente do espelho lá na casa dos pais e outra que sofre com a saudade, que tem como gaveta de roupas uma mala e tem responsabilidades com a casa.

Velhos hábitos nunca mudam sabe, me peguei pensando nisso agora. Eu cresci indo a locadoras de filmes, assistia três por final de semana, só que depois que cresci passei a ir mais no cinema ou ver no computador, mas a paixão… ah essa bate forte aqui. Não deixa de ser a única, eu adoro música, cresci ouvindo Bee Gees gente! Gosto de ler mas tenho preguiça. È, talvez seja por isso que eu tenha uma tartaruga e ame tanto ela, preguiça me define. Dormir é a melhor coisa do mundo. Mas quando eu acordo, vixe ninguém me segura!

A vontade de ter um lugarzinho onde eu pudesse falar sobre as coisas que eu gosto sempre existiu, só me faltava incentivo. Não sou uma pessoa que goste de trabalhar sozinha, conhecer as meninas foi o empurrão que faltava. E você vem me perguntar se somos parecidas?! Eita não, definitivamente não somos, mas juntas somos uma coisa só. E juntas estamos começando a construir esse sonho, depois de muitos planos rabiscados no papel eu vos digo agora vai!

Olha vou ter que desligar tá? Fica assim não, aos poucos você vai poder descobrir mais! Beleza então, te vejo em breve.

Câmbio, desligo.

 

Anúncios

Comente <3

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s